9 de dez de 2011

GANHANDO COM CERTEZA


Em Et. 6: 13b lemos: "...você já começou a perder a luta com Mordecai. Ele é judeu, e você não vai ganhar de jeito nenhum. Você vai perder na certa".

Neste livro emocionante, cuja história mostra a providência divina, a perseverança de um homem em defender sua fé e a determinação de uma mulher em enfrentar as circunstâncias adversas, me detive neste versículo.
Podendo interpretar e fazer um paralelo entre o "judaísmo" de Mordecai com o meu "cristianismo", entendo que também meus adversários já entram perdendo quando querem lutar comigo, não por mim, mas pelo meu Deus, privilégio este que Mordecai também tinha.
Este personagem demonstrava ter princípios bem delineados e firmados e não se "dobrava" facilmente bem como acreditava no socorro divino. Sua declaração a sua sobrinha Ester nos versos 13- 14 do capitulo 4 mostra bem isso.  Mas, voltando ao texto primeiro, me conforta o coração e enche de fé meu espírito a certeza da "superioridade" do cristão verdadeiro ante as adversidades. Preciso enfatizar o "verdadeiro" porque ser cristão no Brasil parece "carne de vaca". Todo mundo se diz cristão, gospel, etc, mas vida que é bom, ai ai,
Como o diabo quer nos manter ignorantes quanto a isso e nos amedronta com qualquer "careta".
Como o diabo cria situações aflitivas que concorrem para nos fazer esquecer da Palavra de Deus onde temos promessas de vitória apenas se perseverarmos.
Como Deus é bom nos alertando, avisando e preparando para as batalhas já ganhas em Cristo Jesus.
Como é bom se Cristão!
É isso aí, bom dia. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário