8 de mar de 2011

RECONHECENDO OS GIGANTES QUE ME AFLIGEM

Apliquei esta mensagem da Palavra de Cristo no Lar a primeira pessoa (eu).

 I Sm. 17:22-23 (trad.LH) “Davi deixou as coisas com o oficial encarregado da bagagem e correu para a frente da batalha. Chegou perto dos seus irmãos e perguntou se estavam bem. Enquanto Davi estava falando com eles, Golias avançou e desafiou os israelitas, como já havia feito antes. E Davi escutou”.

Assim como o Gigante Golias estava desafiando o exército de Israel “paralisando” o povo de Deus, impossibilitando-o de conquistar a vitória contra os filisteus, eu também tenho “gigantes” que querem me derrotar. Por isso, sendo uma verdade inegável na minha vida, preciso identificá-los e derrotá-los.
1.) Em mim, quais gigantes me atrapalham?
De quando em quando surgem gigantes em minha vida como se fosse uma força indomável e que não consigo vencer, e parecem mais fortes do que eu.
Porque a minha alma é a soma das emoções, intelecto e vontade ela é o “alvo” principal desses gigantes que esmagam o meu espírito, entristecendo-me e me afastando de Deus.
Listo aqui alguns gigantes que me atacam: problemas familiares (com o cônjuge, filhos ou parentes), doenças físicas e emocionais, problemas financeiros, falta de motivação, falta de esperança, injustiças, desigualdades, fracassos, etc.
2.) Identificando os Gigantes para Confrontá-los
Estou vivendo dias de guerra, enfrentando gigantes em muitas áreas da minha vida. Para que possa vencer o gigante é necessário identificá-lo.
Devo identificar o gigante que mais me persegue.Não posso me esquecer que o diabo está por traz.
Satanás é o inimigo da minha alma. Ele aproveita todas as brechas, todas as oportunidades para me atacar, mas este “gigante” cairá em nome do Senhor Jesus. De fato, ele já foi derrotado na cruz do calvário. Tomo posse da vitória!
Davi não só derrubou o gigante chamado Golias como também ensinou aos outros como vencê-lo.
Eu sei que posso ser capacitado não só para derrubar, mas também para ensinar outros valentes a vencer seus “gigantes”.
O que Davi ouviu, não o atemorizou e sim o encorajou a enfrentar o adversário.
Eu também não devo me acovardar diante dos “gigantes” que me afligem. Deus é maior e Ele está comigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário